Rio: Staying Active

run.jpg

One of things I miss most about living in New York are all the amazing workout options: barre classes,  soul cycle, body by simone, barry’s bootcamp …..the list goes on. I also loved the workout culture where it was also a fun social activity I would do with friends. 

Clara had already mentioned, but finding workout classes outside of gyms in Brazil is close to impossible (I’m so jealous she has Velocity). And even the classes offered at gyms are not of the New York standard (I took a spin class where the instructor didn’t even spin with us! Longest 45 mins of my life). On a positive note Rio is a super active and outdoor city meaning that you will constantly see Cariocas running, biking, skateboarding, rollerblading, playing volleyball along and on the beach – really motivating! With a backdrop like Rio, its almost impossible not to be part of the active way of life.

With little options left, I felt like it was finally the time to give the whole running craze a try. Only problem: I hate running... So, I needed some help to get into this running thing. Couch to 5k is a program that helps couch potatoes (me) get to running 5k (yay!). It gradually builds up your run with intervals of walking so that in 9 weeks you can accomplish a 5k run. I downloaded the British NHS podcast version which had "a coach" to help me know when to walk and when to run.  4 months later I can proudly say I’m a runner and am now training for my first 10k race-hoorah! I’m using RunKeeper which is a fantastic app that helps structure goals (like my 10k race) and keeps track of your runs and your progress.  

Of course I’m still in search of a barre class or some kind of toning class, so if anyone has any tips please do share (but not the online videos – I tried that and it’s just not the same). 

SP: Brunch & Gallery

I have always LOVED hotel breakfast buffets so when I discovered 7 Molinos my breakfast prayers were answered - think hotel breakfast, without the hotel. Fresh bread & pastries, homemade jams and endless refills of everything. The place is cute (with outdoor seating) and has great service. Even better, Mendes Wood gallery is basically next door! 

Eu sempre AMEI o cafe de manhas nos hotels, então quando eu descobri 7 Molinos eu fiquei super feliz - pense cafe de manha do hotel, sem o hotel. Pãos frescos, compotas caseiras e recargas infinitas de tudo. O lugar é bonito (com mesas ao ar livre) e tem bom serviço. Ainda melhor, a galeria Mendes Wood é ao lado!

Book Club: Room

Room is our go to recommendation to any friend who is in the market for a new read. It’s unlike anything we’ve ever read before and completely captivates from page one. It’s a quick read, with an intensely gripping plot and perfect if you’re looking to spice up your reading list. The story is told in the point of view of five-year old Jack. Immediately, you get the sense that all is not what it seems. That’s probably as much as we can reveal about the plot without giving away the major twist (the less you know the more impact the story will have). We promise - you won’t regret getting this page-turner! 

"Room" é nossa primeira recomendação para qualquer amigo que quer um livro novo. É diferente de tudo que já lemos antes e completamente cativa o leitor desde a primeira página. É uma leitura rápida, intensamente emocionante e perfeito se você quiser adicionar emoção a sua lista de leitura. A história é contada do ponto de vista de um menino de cinco anos, Jack. Imediatamente, você tem a sensação de que nem tudo é o que parece. Isso é provavelmente o máximo que podemos revelar sobre o enredo sem estragar o final (quanto menos você sabe, mais impacto a história terá). Nós prometemos - você não vai se arrepender de ler este livro.

Rio Restaurant: Aprazivel


IMG_0189_Fotor.jpg

Something I miss from my time living in New York is the abundant choice of restaurant, from bahn mi sandwiches to michelin star restaurants - New York has it all. Rio de Janeiro is no New York when it comes to variety but it has become a fun challenge to scope out new places. Aprazivel is by no means new, but it's been a great spot for when I'm bored of the usual Zona Sul options. The cobble stone streets of Santa Teresa and the "treehouse" setting of the restaurant, makes for a lovely excursion. I also highly recommend the grilled heart of palm (sooo good) and one of the caiprinhas (now that is something you can't get in New York!). 

Algo que eu sinto falta do meu tempo morando em New York é a escolha abundante de restaurante, desde sanduíches Bahn Mi para restaurantes com estrelas Michelin - New York tem tudo. Rio de Janeiro não é New York, quando se trata de variedade, mas tornou-se um desafio divertido de buscar para os novos lugares. Aprazivel não é nova, mas é um ótimo local para quando estou cansada das opções do Zona Sul . As ruas calcetadas de Santa Teresa e a "casa da árvore" do restaurante, faz uma excursão bonita. Eu também recomendo o palmito grelhado (muuuito bom) e um dos caiprinhas (agora que é algo que você não pode ter em NewYork!).

SP Restaurant: Myk

One of the great things about São Paulo is the variety of cuisines (that I got so used to having in New York). One of the best Greek/Mediterranean restaurants I've found is Myk. The interior looks like a Mediterranean restaurant with white-washed walls and rustic flowers. The menu is simple, fish based and the ambience is always warm and friendly. 

Uma das coisas legais sobre São Paulo é a variedade de restaurantes (que eu fiquei tão acostumada a ter, em Nova York). Um dos melhores restaurantes gregos / Mediterrâneos que eu encontrei é Myk. O interior parece um restaurante Mediterrâneo, com paredes brancas e flores rústicas. O menu é simple, com base de peixe e o ambiente é sempre amigável.

Rio: Jazz at Maze

In May I went to Jazz at Maze and I can't wait to go back. Tucked away in a labyrinth of small streets in the favela Tavares Bastos in Catete, Maze is a bed-and-breakfast meets nightclub that offers a live jazz performance every first friday of the month. The views of Sugar Loaf Mountain and Guanabara bay are magical and the house itself is a Dr.Suess-like maze, with winding staircases and secret corners. It is exactly the kind of place that makes you sigh and say "I loooove Rio" (all while sipping on an obligatory caiprinha). Oh and the jazz was excellent! 

Em maio eu fui a Jazz no Maze e eu quero voltar. Escondido em um labirinto de pequenas ruas da favela, Tavares Bastos, no Catete, o Maze é um hotelzinho encontra boate, que oferece uma noite de jazz ao vivo todas as primeiras sextas-feiras do mês. As vistas do Pão de Açúcar e Baía de Guanabara são mágicas e a própria casa é um labirinto como Dr.Suess, com escadarias sinuosas e cantos secretos. É exatamente o tipo de lugar que faz você suspirar e dizer: "Eu amooooo o Rio" (todos enquanto tomar uma caipirinha). Ah, e o jazz foi excelente!

 

SP Exhibit: Henrique Oliveira

The Museum of Contemporary Art is home to a new installation by Brazilian artist Henrique Oliveira, a must-see exhibit. MAC is always a worthwhile stop in the city, but even more with this unique experience open until November. The installation is the artist's largest to date; it pays tribute to the modernization of man drawing on past history and (quite literally) our natural roots. The spectators weave through the gallery space within a maze-like construction allowing for various routes through the piece. Tip: I went just as the museum was closing and luckily there were few people (I've heard it gets really packed).  

O Museu de Arte Contemporânea tem uma nova instalação do artista brasileiro Henrique Oliveira, uma exposição para ver com certeza. MAC sempre vale a pena de visitar na cidade, mas ainda mais com esta experiência única aberta até novembro. A instalação é a maior do artista; ele faz homenagem à modernização do homem na história e (literalmente) as nossas raízes naturais. Os espectadores atravessam o espaço da galeria dentro de uma construção labiríntica permitindo várias rotas dentro da peça. Dica: Eu fui cuando o museu estava fechando e, felizmente, havia poucas pessoas (eu ouvi que fica realmente lotado).

Rio: Confetaria Colombo

For a country that loves coffee, leisurely cafes are hard to come by (still figuring out that mystery). I miss the ritual of people watching at cafés or bringing my laptop and pretending to get my work done :). Confetaria Colombo in Centro would be the perfect café to have an indulgent pastry and a relaxed afternoon. The  grand belle epoque style makes you feel like you're in a pretty café in Vienna or Paris. I ordered a sandwich while I was here (which was mediocre) but next time I'm in the area (Centro, why do you feel so far?), I'm definitely going straight for the cakes!

Para um país que ama o café, cafés de lazer são difíceis de encontrar. Eu sinto falta do ritual de assistindo as pessoas ou trazendo meu laptop e fingindo fazer o meu trabalho :). Confetaria Colombo no Centro seria o café perfeito para ter uma pastelaria indulgente e uma tarde relaxante. A grande estilo belle epoque faz você se sentir como se estivesse em um bonito café em Viena ou Paris. Eu pedi um sanduíche (que foi medíocre), mas a próxima vez que eu estou na área (Centro, por que você se sente tão longe?), eu definitivamente vou direto para os bolos!

Travel: Lencois

I just got back from a trip to Lencois Maranhenes (after a few days in Jericoacoara) and was totally blown away by the unique landscapes in Brazil's national park. It was the most beautiful place I've travelled to in Brazil and certainly one of the most unique in the world. For miles and miles, sand dunes filled with rain-water are all the eye can see. The hikes through the sand dunes met with long swims in the lagoons with nobody around were absolute heaven.  I used São Paulo Adventures to plan activities and specified that I did not want to visit touristic lagoons so I ended up taking a private guide who led us on a day-long hike and we saw no other people. On the second day, to get a better perspective we decided to do an airplane tour of the park - this was beautiful but if I had to pick one activity it would definitely be to hike and swim on land. I would recommend this trip to anyone who has time in Brazil (it took about 12 hours to reach from Jericoacoara - although from St Luis it is just 4 hours). Do not expect beautiful accomodation, I booked this hotel which was the best I could find - (doesn't really matter since you'll spend the entire day doing incredible activities). 

Eu acabei de voltar de uma viagem para Lençóis Maranhenes (depois de alguns dias em Jericoacoara) e foi totalmente impressionada por os paisagens únicos no parque nacional do Brasil. Era o lugar mais bonito que eu já viajei no Brasil e com certeza um dos mais únicos do mundo. Por milhas e milhas, dunas de areia cheios de água da chuva são tudo que você vê. As caminhadas pelas dunas de areia e os banhos longos nas lagoas com ninguém foram una maravilha. A empresa São Paulo Adventures organizou as atividades e falei  que eu não queria lagoas turísticas por isso, acabei tomando um guia privado que nos levou em uma caminhada de um dia inteiro e não vimos outras pessoas. No segundo dia, para ter uma perspectiva melhor, decidi fazer um passeio de avião do parque - foi bonito, mas se eu tivesse que escolher uma atividade seria definitivamente caminhar e nadar em terra. Eu recomendaria a qualquer um que tem tempo no Brasil (levou cerca de 12 horas para chegar desde Jericoacoara). Não espere belo alojamento, reservei este hotel, que foi o melhor que pude encontrar - (realmente não importa, você vai passar o dia inteiro fazendo atividades incríveis).

Hotel: Rancho do Peixe in Jericoacoara

Before going to Lencois (post coming soon), I went to Jericoacoara for a few days. Everyone spoke very highly of this beach town so I went with pretty high expectations. To be totally honest, I did not love the place... The beach compared to others in Brazil is pretty average and the actual town quite trashy. I think the primary reason to make the trip would be if you're an avid kite-surfer. While I didn't love Jeri, the hotel I stayed at was great and I wanted to post about it for anyone going. Rancho do Peixe has a super rustic charm (you practically sleep in open air since the cabanas have no real roof) and feels very liberating. The sister hotel Vila Kalango is in the town, but I would recommend Racho do Peixe for its proximity to the beach. 

Antes de ir para Lençóis (post em breve), eu fui a Jericoacoara por alguns dias. Todo mundo falou muito bem desta cidade de praia, então fui com expectativas altas. Para ser totalmente honesta, eu não amei o lugar ... A praia em comparação com os outros no Brasil é bastante medíocre e a cidade não foi muito emocionante. Acho que a única razão real para fazer a viagem seria se você é um kite-surfista. Enquanto eu não amei Jeri, o hotel em que ficamos foi legal e eu queria postar sobre isso para quem vai. Rancho do Peixe tem um charme rústico (você praticamente dormir ao ar livre desde cabanas não têm telhado real) e me senti muito liberada do estresse da cidade. O hotel irmã, Vila Kalango, é na cidade, mas eu recomendaria Racho do Peixe por sua proximidade a praia.

Rio: Papel Craft Stationary Store

papel craft.jpg

Rio has many stationary stores, the kind you would imagine would have existed before Staples swooped in. Most are dingy and run down but in a way there's something charming about buying pencils and notepads at a family-owned stationary store - it sort of transports you back into time. Papel Craft is far from dingy, but it still has the charm of a cute stationary store. Filled with quirky wrapping paper, fun notebooks and little knick-knacks, it is a delight to browse through (and slightly dangerous for compulsive shoppers) I'm so glad I found this place, as my cheap Loja Americana (similar to CVS/Walmart for you gringos) gift wrap in holographic gold was so depressing! 

Rio tem muitas papelarias, do tipo que você poderia imaginar teria existido antes Staples chegou. A maioria são sombrios e velhos, mas há algo charmoso de comprar os lápis e os cadernos na papelaria de propriedade familiar - é uma maneiro de se voltar no tempo. Papel Craft está longe de ser antiga, mas ainda tem o charme de uma papelaria bonitinha. Cheio de papel peculiar, cadernos divertidos e pequenas bugigangas, ele é uma delícia de navegar através (e um pouco perigoso para compradores compulsivos) Estou tão feliz que eu encontrei este lugar, como o meu barato Loja Americana papel em ouro holográfica foi tão deprimente!

Recipe: Pumpkin Risotto

DSC_0277_Fotor.jpg

Although it never gets truly cold in Brazil, there is a change in seasons and right now we are in our winter. There are more rainy days and chillier nights, making me crave some seasonal flavors (butternut squash and pumpkin!) that remind me of colder days in the Northern Hemisphere (which now is experiencing some very hot days!). I took this recipe from Carluccio's but reduced butter to 30g and I added some white wine because, you know, with risotto you have to also enjoy a glass of wine while you wait! 

Embora nunca fique realmente frio no Brasil, há uma mudança de temporadas e agora estamos em nosso inverno. Há dias mais chuvosos e noites frias, fazendo-me desejar alguns sabores sazonais (abóbora!) Que me lembram de dias mais frios do Hemisfério Norte (que agora está passando alguns dias muito quentes!). Tirei esta receita do Carluccio's mas reduziu a manteiga a 30g e eu adicionei um pouco de vinho branco, porque, você sabe, com risotto você tem que aproveitar também um copo de vinho, enquanto você espera!

 

Rio: Ballet

On Sunday I went to see the ballet, La Bayadère, at the Teatro Municipal. I haven't seen that many ballets so I am no connaisseur, but this production was spectacular. La Bayadère takes place in in India so the set design and costumes were enchanting, not to mention the Teatro Municipal itself is breathtaking. The production will be on until July 6th, but buy your tickets quickly as it seems to be running out!

No domingo eu vi o ballet, La Bayadère, no Teatro Municipal. Eu não tenho visto muitos ballets, então eu não sou connaisseur, mas esta produção foi espetacular. La Bayadère ocorre em na Índia então a cenografia e as fantasias foram encantador, é o próprio Teatro Municipal é maravilhoso. A produção será em até 6 de julho, mas comprar os seus bilhetes rápida, parece está vendendo!

SP Restaurant/Store: Cartel 011

feed-ambiente.jpg

Cartell 011 is a multi-functional space in Pinheiros with a restaurant, studio, clothing store, barber shop and cocktail bar. While the actual restaurant, Feed Food, does not have the most amazing fare, the creative space and ambience makes it a nice stop for a drink and to browse the store.

Cartell 011 é um espaço multi-funcional em Pinheiros, com um restaurante, estúdio, loja de roupas, barbeiro e cocktail bar. Enquanto o restaurante, Feed Food, a comida não e incrível mas o espaço criativo e ambiente bonito merece uma parada para descubrir o espaço. 

Book Club: Brave New World

Aldous Huxley´s classic utopian novel “A Brave New World” had been on our list for quite some time and fit in perfectly with our trip to Brasilia (our first blog trip)! Brasilia´s planned city grid, the abundance of “ministries” and the lack of traditional city life seemed to be the perfect backdrop for this fictional world (someone seriously needs to make a movie here!). The science fiction book takes place in the future, where society is brainwashed into being blissfully happy consumers -all but one, Bernard Marx, who desires more for his seemingly “perfect” life. The futuristic descriptions and scientific explanations Huxley used to create his utopian society were very impressive considering he wrote it in 1932. Particularly interesting were his descriptions of contraceptives, disease, nutrition and healthcare. The novel raises philosophical questions surrounding the idea of repressed individuality and the liberty to feel all spectrums of emotions. It made us realize that our own happiness often comes from also experiencing the contrast of sadness (something the characters in the book never feel). The rhythmic style in which Huxley writes, makes this a really quick read. While we weren’t in love with the way it all ended, this book has stood the test of time and is a must read - we would love to know what you thought!

O clássico romance utópico de Aldous Huxley "Brave New World" estava na nossa lista de leitura há algum tempo e se encaixava perfeitamente com a nossa viagem a Brasília (a nossa primeira viagem de blog)! A planejada de Brasília, a abundância de "ministérios " e da falta de vida tradicional da cidade parecia ser o cenário perfeito para este mundo fictício ( alguém precisa seriamente fazer um filme aqui!) . O livro de ficção científica se passa no futuro, onde a sociedade sofre uma lavagem cerebral para todos serem felizes consumidores de tudo, mas um, Bernard Marx, que deseja mais para a sua vida aparentemente "perfeita". As descrições futuristas e explicações científicas que Huxley usou para criar sua sociedade utópica são muito impressionantes, considerando que ele as escreveu em 1932. Particularmente interessante foram suas descrições de contraceptivos , doenças , nutrição e saúde. O romance levanta questões filosóficas em torno da idéia de individualidade reprimida e da liberdade de sentir todos os espectros de emoções. Isso nos fez perceber que a nossa própria felicidade muitas vezes vem de também experimentar o contraste com a tristeza ( algo que os personagens do livro nunca sentiram ) . O estilo rítmico no qual Huxley escreve , faz desta uma leitura muito rápida. Mesmo que nós não amamos a forma como o livro terminou, este livro tem resistido ao teste do tempo e é uma leitura obrigatória - nós gostaríamos de saber o que você achou!

 

Recipe: Authentic Teriyaki Sauce

Lately, I've been feeling a bit homesick and with that, missing my mom's amazing cooking. She is an incredible cook (I know everyone says that about their mom, but, really, mine is spectacular!) and has always been my go-to recipe guru. Also, since she is Japanese, I pretty much got to have an at-home Japanese restaurant growing up (yes, she even made us Sushi!). Because of the large Japanese immigrant population in Brazil, Japanese ingredients are, luckily, not too difficult to come by.

So in attempts to feel like home - I made my mom's Teriyaki Sauce!  It is so easy to make and absolutely delicious!  

Combine 1 cup of sake, 1 cup of mirin, 1 cup of soy sauce and 1 cup of sugar in a pot and bring to a boil. Simmer for 3 mins and voilá - Teriyaki Sauce!  Add to salmon (my personal favorite) or chicken when it is 75% cooked through - also the longer you cook your sauce the thicker it gets. Another plus is that the sauce lasts in the fridge for 4 months -perfect for quick dinners! 

Ultimamente, tenho me sentido um pouco com saudades de casa e com isso, faltando  a incrível cozinha da minha mãe. Ela é uma cozinheira incrível (eu sei que todo mundo diz isso sobre sua mãe, mas , realmente , a minha é espetacular! ) e sempre ela é meu receita guru. Além disso, porque ela é japonesa , eu praticamente tinha um restaurante japonês em casa  (sim, ela ainda fez nos Sushi !) . Por causa da grande população de imigrantes japoneses no Brasil, ingredientes japoneses são , felizmente , não muito difícil de achar.

Assim, em tentativas para se sentir como em casa - Fiz molho de Teriyaki da minha mãe ! É tão fácil de fazer e absolutamente delicioso!

Combine 1 xícara de sake , 1 xícara de mirin , 1 xícara de molho de soja e 1 xícara de açúcar em uma panela e leve para ferver . Cozinhe por 3 minutos e voilá -  molho de Teriyaki ! Adicionar ao salmão ( o meu favorito ) ou frango quando é 75% cozido - também quanto mais você cozinhar o molho mais espesso fica. Outra vantagem é que o molho dura na geladeira por 4 meses , perfeito para jantares rápidos !